Seja presença para quem merece tê-la!


Nem sempre as coisas são fáceis, as vezes passamos por situações em que somos obrigados a fazer escolhas, sendo estas, algumas das coisas que mais odiamos fazer. Ir ou ficar? Desistir ou continuar? Em meio a tanta indecisão, nós olhamos no espelho e perguntamos: e ai? E o que eu faço agora? – Na esperança que, ao fazer isso, teríamos a resposta correta. Mas não, a única coisa que está sendo refletida é alguém que procura por respostas, e ela não está na frente do espelho, mas sim no seu interior, e infelizmente, a resposta somente você saberá dizer.


(Foto via Pinterest) 

Responder não é fácil, mas muitas vezes é preciso. Você deve cogitar todas as possíveis situações que enfrentará pela frente caso decida partir (Seja de emprego, relacionamento, faculdade, o que for!). A rotina não será mais a mesma, assim como você.

Se não está te fazendo bem, não agrega nada na sua vida, o que te impede de mudar? Sim, eu sei, são inúmeras coisas. Mas todas essas coisas que são supostos motivos pelo qual você insiste em ficar, valem a pena sacrificar a sua felicidade? A sua paz? A vida é tão curta, tão incerta... e você perdendo sua chance de ser feliz por algo que está nítido que não está dando certo?

Sabe qual o nosso problema? Complicamos demais a vida. Colocamos sentimentos demais em coisas e pessoas que não merecem nem ao menos um sorriso, e por causa delas, deixamos passar momentos incríveis, em lugares e companhias incríveis, tudo pelo medo de não conseguir nada melhor do que temos agora. Mas apenas lembre-se que se você deixar o medo tomar conta você, a sua vida passará e você será apenas mais uma das milhares de pessoas que queriam, mas não tiveram coragem.

A partir do momento em que percebemos que tomar uma decisão depende apenas de nós e não dos outros, tudo se torna mais fácil. Parece loucura, mas vá por mim, é possível. Muitas vezes somos influenciados pela opinião alheia, e tentamos fazer daquelas palavras, a suposta verdade. Como se tudo o que você quisesse fazer e que estivesse fora daqueles padrões, fosse considerado errado. Mas não é!

Fique naquele lugar que te faz bem, estudando aquilo que você realmente gosta ou tendo ao seu lado uma companhia que agregue algo em sua vida. Você precisa disso! Se pudesse dar um conselho, com toda certeza diria: Seja presença para quem merece tê-la.


Te encontro no próximo post,

Beijos da Tami. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário